Plantão
POLÍCIA:

Pernambuco registra menor índice de roubos em 31 meses...

Publicado dia 15/08/2018 às 06h54min
Dando sequência à redução no número de roubos em Pernambuco, o mês de julho de 2018 registrou um total de 7.742 ocorrências de Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP), segundo a SDS-PE.

Todas as regiões do Estado apresentaram queda no número de roubos entre janeiro e julho deste ano. Na Região Metropolitana do Recife (RMR), a queda foi de 24%: de 22.445 para 17.033. No Agreste, a redução chegou a 21%: de 13.365 para 10.503. A redução na Zona da Mata foi de 20%: de 9.103 para 7.301. Por fim, o Sertão contabilizou 3.400 roubos, queda de 14% em comparação aos 3.948 de 2017.

 

Gráfico mostra sequência de quedas nos CVPs - Foto: Divulgação/SDS-PE

 

 

   Prisões e apreensões

As prisões e apreensões no Estado apresentam tendência de aumento à medida que o número de roubos cai. Em julho, 2.885 pessoas foram presas em flagrante. No ano, o número chega a 18.602. As forças de segurança pública de Pernambuco apreenderam 501 armas, elevando para 3.698 o total de apreensões no ano. 
 

   Assaltos a ônibus

Os casos de assaltos a ônibus seguem em queda. Em julho, foram registrados 89 roubos a coletivos, total 34% menor que o mês correspondente de 2017. No acumulado anual, a redução chega a 46%: de 979 para 528. As ações da Força-Tarefa Coletivos resultaram na prisão de 161 assaltantes de ônibus este ano, sendo 22 somente em julho.
 

   Celulares recuperados

As polícias apreenderam 3.575 aparelhos de celular entre janeiro e julho, 501% a mais que o mesmo período do ano passado. Só em julho, foram recuperados 485 telefones. Os roubos permanecem caindo: 3.104 aparelhos foram roubados em julho de 2018, 31,9% a menos que o mesmo mês de 2017, que contou 4.558 casos. No ano, a queda chega a 26,6%: de 30.724 para 22.209.
 

   Roubo de veículos e cargas

Os roubos de veículos e cargas também seguem em retração em Pernambuco. Em julho, a redução no roubo de veículos foi de 21% em relação a julho do ano passado: de 1.651 para 1.301. A comparação entre janeiro e julho dos dois anos mostra queda de 19%: de 12.137 para 9.742. As cargas roubadas foram reduzidas em 18%: de 433 para 357.

   Crimes contra bancos

As investidas criminosas contra agências bancárias, carros-fortes e caixas eletrônicos somaram 46 ocorrências no período de janeiro a julho de 2018, 25% a menos que os 61 casos de 2017.

Fonte: FolhaPE

Fale Conosco

Centro Timbaúba
(81) 99112-3769 | | (81) 99699-1738
blogdocarlosaraujo2013@hotmail.com