Plantão
Mundo

Radialista mantém suicida falando ao vivo por 30 minutos até ele ser encontrado e socorrido...

Publicado dia 04/01/2019 às 07h42min
O radialista e escritor britânico passou cerca de 30 minutos conversando com o suposto suicida, quando uma ambulância da South Western divulgou nota confirmando o resgate de Chris.
O radialista e escritor britânico, Iain Lee, teve um dia difícil na quarta-feira (19/12/18). Durante seu programa, o “The Late Night Alternative”, ele recebeu a ligação de um ouvinte que se apresentou como “Chris” e disse ter tomado remédios para morrer de overdose. Lee, que lutou e luta contra a depressão, manteve Chris na linha por cerca de 30 minutos até que as autoridades rastreassem o suicida e o socorressem.
 
“Nós conseguimos manter ele ao vivo. Pegamos uma descrição de como ele se parecia e o que estava vestindo, descobrimos onde ele estava e mandamos uma ambulância e a polícia atrás dele. O mantive no telefone por 30 minutos enquanto ia ficando mais difícil de entender o que ele dizia”, escreveu o radialista em sua conta no Twitter após o resgate de Chris.
 
Durante os minutos em que estava ao vivo, Chris falava de forma lenta e embaralhada. Ele desabafou com o radialista. Disse que era seu ouvinte há cerca de um ano. De acordo com o próprio ouvinte, ele sofria com estresse pós-traumático e depressão. “Eu quero morrer, Iain”, disse.
 
O radialista, que revelou já ter tido pensamentos suicidas e que lida com a depressão, tentou acalmar Chris. “Não fala isso, eu sei que você quer morrer irmão, mas eu amo você. Você pode querer morrer, mas nós podemos conversar sobre isso amanhã. Eu não quero que você morra esta noite”.
 
Após revelar que tinha 60 anos e estava próximo a uma casa noturna em Plymouth, no sul de Devon, no Reino Unido, o homem parou de responder. Lee se desesperou e começou a chamar pelo ouvinte, que respondeu com murmúrios.
 
“Chris, você ainda está vivo. Graças a Jesus. O país inteiro estava sem respirar. Nós perdemos você por 10 minutos, cara”, desabafou Lee.
 
O drama chegou ao fim com a chegada da ambulância e da polícia no local. O serviço de ambulância da South Western divulgou nota confirmando o resgate de Chris. “O paciente, do sexo masculino, foi tratado no local e levado para o Hospital Derriford para tratamento adicional”, diz o texto.
Fonte: JOVEM PAN | UOL