Plantão
ESPORTES:

SANTA CRUZ: Com show de Pipico, Santa goleia e volta ao G4 da Série C...

Publicado dia 29/07/2018 às 05h04min
Após dois jogos sem vencer, o Santa Cruz goleou o Confiança por 4x0 e assumiu a terceira colocação do grupo "A"

Pipico marcou seu sexto gol em seis jogos com a camisa do Santa CruzFoto: ( Foto : Brenda Alcântara/ Folha de Pernambuco)
Santa Cruz está de volta ao G4 do grupo “A” da Série C. Jogando dentro de casa contra o Confiança/SE, a equipe tricolor entrou com a responsabilidade de vencer após dois resultados negativos. Enfrentando um time que não vence há 10 jogos, o Santa veio pra cima desde o início e conseguiu grande vitória. Fazendo seu melhor jogo na competição, o time coral venceu por 4x0 com gols de Arthur RezendePipico (2x) e Jaílson. Com o resultado, o Santa pulou para terceira posição com 24 pontos, já o Confiança permaneceu na sétima posição com 19 pontos e viu a zona de rebaixamento se aproximar.

Com a volta de Carlinhos Paraíba no time titular, Roberto Fernandes optou por uma escalação ofensiva, que criava oportunidades, mas também deixava espaços. Os 45 minutos iniciais foram bastante intensos. O Santa levou a melhor abrindo o placar logo aos 6 minutos com Arthur Rezende, após contra-ataque rápido, William Maranhão deu belo passe no meio da área e o camisa 8 tricolor teve tranquilidade pra tocar na saída do goleiro e fazer 1x0.

A outra novidade do time titular do Santa foi Ricardo Ernesto no gol, no lugar do criticado Tiago Machoswki. Logo aos 7 minutos, ele foi testado em chute de Tito, onde fez boa defesa espalmando para escanteio. Com o jogo aberto, o Santa levava perigo pelo lado direito com Robinho e Maílton. Em uma delas, Robinho encontrou o lateral-direito livre, que finalizou forte e a bola passou raspando a trave. Aos 29 minutos, não teve perdão. Maílton fez cruzamento pra Pipico, e o artilheiro do Arruda cabeceou forte para fazer 2x0. Sem muita qualidade, o Confiança tentou pressionar antes do intervalo, mas sem criar oportunidades de gol. 

 

 

Se o primeiro tempo foi elétrico, o segundo foi morno. Jogando nos contra-ataques, o Santa levou um susto aos 17 minutos, quando Sandoval falhou em cruzamento na área e Ricardo Ernesto salvou finalização de Ítalo na pequena área. Quando o jogo já se encaminhava pro final, o Santa decidiu voltar a atacar. Aos 34 minutos, Maílton recebeu de Arthur Rezende e cruzou rasteiro, a bola passou por Pipico e Jaílson escorou sem goleiro para fazer o terceiro. Dois minutos depois, Pipico roubou bola de Rodolfo e foi derrubado dentro da área. O próprio centroavante foi pra cobrança do pênalti e deu números finais a partida em 4x0, decretando a maior goleada tricolor na temporada. 


Ficha do jogo:

Santa Cruz 4
Ricardo Ernesto; Mailton, Sandoval(Sandoval), Danny Morais e Allan Vieira(Eduardo Brito); William Maranhão, Carlinhos Paraíba e Arthur Rezende; Jaílson, Robinho e Pipico. Técnico: Roberto Fernandes

Confiança 0
Genivaldo; Apodi(Ítalo), Vinícius Simon, Rodolfo e Radar; Diogo(Everton Santos), Flávio, Lucas Vinícius(Frontini) e Rafael Villa; Tito e Léo Ceará. Técnico: Gilberto Nascimento 

Local: Arruda (Recife-PE)
Árbitro: Leonardo Sígari Zanon (PR). Assistentes: Luiz Souza Santos Ernesto e Weber Felipe Silva (ambos do PR)
Gols: Arthur Rezende (aos 5 do 1ºT), Pipico (aos 29 do 1ºT), Jaílson (aos 33 do 2°T) e Pipico (aos 36 do 2°T)
Cartões amarelos: Allan Vieira, Arthur Rezende, Pipico(STA); Flávio (CON)
Público total:   8.700 pessoas
Renda: R$ 72.791,00

Fonte: FolhaPE