Plantão
BRASIL:

Depois do Ceará, Pará pede a Moro ajuda da Força Nacional contra violência...

Publicado dia 04/01/2019 às 20h56min
A solicitação, feita pelo governador Helder Barbalho (MDB), chegou à pasta e está em análise

Depois do Ceará, agora o Pará também pediu ao ministro da Justiça, Sergio Moro, ajuda da Força Nacional para conter a violência no estado. A solicitação, feita pelo governador Helder Barbalho (MDB), chegou à pasta e está em análise. 

Nesta sexta-feira (4), Moro autorizou o envio de cerca de 300 homens e 30 viaturas para o Ceará, após uma série de ataques nos últimos dois dias. "O Pará está mais violento que o Rio de Janeiro, proporcionalmente. O pedido feito foi por seis meses de Força Nacional no estado", disse o delegado Éder Mauro (PSD-PA), que foi ao Palácio do Planalto falar com o presidente Jair Bolsonaro.

Não há prazo para decisão do ministro da Justiça sobre o pedido de Barbalho.
De acordo com a assessoria da pasta, até agora, essas foram as únicas solicitações recebidas. No Ceará, a atuação da Força Nacional será por 30 dias. A decisão se deu por pedidos feitos pelo governador Camilo Santana (PT). O ministro sugeriu a formação de um gabinete de crise, com a integração de polícias federais e estaduais.

De acordo com o secretário Nacional de Segurança Pública, Guilherme Theophilo, as ordens dos atos de violência no estado nordestino são emitidas de dentro dos presídios e têm ligação com brigas entre facções criminosas.

polícia investiga se as ações podem estar ligadas às mudanças anunciadas pelo governo estadual para a administração de presídios no segundo mandato de Santana.
 
Fonte: FolhaPE

Fale Conosco

Centro Timbaúba
(81) 99112-3769 | | (81) 99699-1738
blogdocarlosaraujo2013@hotmail.com